15 dezembro 2007

Ladrão de Sorrisos



Ladrão de Sorrisos

Cada vez que você olha
Para dentro dos meus olhos
Lendo os meus pensamentos
E me contando os seus
Eu me pego, sem querer
Desviando o meu olhar
Para o teu sorriso
Que sempre responde
Ao meu
É um momento mágico
Simplesmente inesquecível
Que eu quebro
Sem que você perceba
Roubando toda a sua graça
E a guardando
Na palma da minha mão
Mais tarde eu partilho
O que roubei de você
Com meus olhos
Abro minha mão
Sorrio para tua boca
E beijo teu sorriso...
... Porque ele agora
É meu
Procure outro sorriso
Para você
Quem sabe até eu deixe
Você roubar o meu
Porque o seu, eu não
Devolvo nunca
Mais.


Renato Baptista
Todos os Direitos Reservados

Nenhum comentário: