17 abril 2009

Pérolas Lágrimas



Pérolas Lágrimas

Vem de encontro
À minha prece
Que pede desesperada
Por ti

Escute meu choro
Abrace minha alma
Beije meus lábios
Faça-me teu, só teu
Assim como pede
O teu desejo

E nesses caminhos
Traçados pela vida
Em que as nuvens da saudade
Pairam baixas sem temor
Tropeço com meus passos soltos
Nas entrelinhas que contam
Da insegurança incontida
No espelho brilhante do horizonte

E eu rezo
Oro por ti
Para ti

Peço a Deus
Pela tua alegria
Rezo por mim

E meus altos e baixos
Ciúme intrínseco
Que vagueia sem destino
Entre os meus pensamentos
Descortinam meu jeito insano
De tanto precisar te amar

E eu amo, sofro
Sofro e amo
Amo amar
E odeio sofrer

E te atormento
Sem intenção
Entorto teu sorriso
Arranco-te lágrimas
Que cultuo sem prazer

Pérolas lágrimas
Pérolas brancas
Pérolas negras
Pérolas pérolas
Pérolas que escorrem
Molhando a tua face
Afogando teus lábios
Que não querem
Dizer-me adeus
Porque são pérolas

Vem menina
De encontro
À minha prece
Escute menina
Meu grito oco
Que te implora
Implora
Implora
E... Implora

Entenda então
O meu jeito
Não faça desfeita
E nem converse baixinho
Pule, grite, bata... Palmas
E então pule, grite...

Seque meu pranto
Junte-se a mim
E me conte desse teu amor
Abre-te em flor
Orquídea selvagem
Minha miragem
E exale teu perfume
Enlouquecedor
Meu cheiro de amor

Beije meu beijo então
Menina...
Menina encanto
Anjo do céu
Menina
Minha menina
Meu doce presente
Menina
Minha menina
Meu amor.


Renato Baptista

Direitos Reservados

11 comentários:

Veronica de Nazareth-Noic@ disse...

Irmão-Camarada Querido...
novamente aqui, primeiro gratíssima por todo apoio e cuidados para com meu blog que tens tido, pela força amiga de sempre. Também, por viver novamente o encantamento dos teus belos versos, capazes de adentrarem nossa alma, como nesta linda "coleção de pérolas", a enfeitar um colo de sentimentos.
Tão bom poder voltar...sentir vocês, amigos amados!
Beijão de Luz. Vou te enviar mail loguinho...
Veronica-Noic@

Retalhos de Amor disse...

Cantando o amor e a saudade
teus versos fazem-se amplidão
E clamam o sol... Esmaecido no
horizonte do sonho!!!

Na tua rara essência sempre,
Padrinho!!!

Beijo no coração, Amigo meu!!!
Iza

Renato Baptista disse...

Obrigado Veronica...pela presença...depois da tua tempestade...ainda bem que tudo vai bem.
Beijo* amiga

Renato Baptista disse...

Obrigado Iza por ler tão bem os meus rabiscos....sempre amiga e presente....isso é o meu presente.
Beijo* e fique com Deus

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Renato! Fiquei muito surpreso e feliz por teres te tornado seguidor do meu blog, isso somente me incentiva e aumenta a minha responsabilidade de melhorar aquilo que crio e escrevo.
Adorei o poema, muito profundo. Parabéns! Aguarde que estarei sempre voltando, pois a recíproca será verdadeira.

Abraços,

Furtado.matchali

Domingos de Souza disse...

É mesmo puro sentimento, poesia feita com a alma. Abraços. Domingos.

Renato Baptista disse...

Furtado meu amigo...
Agradeço a visita mais uma vez. Parabéns pelo seu BLOG.....tenho ido lá tbém.
Abraços*
Renato Baptista

Renato Baptista disse...

Domingos.....É um prazer ter sua leitura e seu comentário aqui nesta casa.
Volte sempre.
Abraços
Renato Baptista

Anônimo disse...

Renato, meu amigo. Vim visitar seu blog e só tive alegrias.Pérolas Lágrimas" é um belo poema, como todos os que você escreve com sua alma de poeta
Abraço do
Théo Drummnd

Renato Baptista disse...

Mestre Théo Drummond...

É uma satisfação ter aqui a sua visita. Obrigado pelas palavras e pela presença.

Abraços do seu amigo
Renato*

Lara disse...

Poeta amigo.
Sabe o que eu fiz? Pedi para o meu Louco recitar essa poesia para mim. É a mais linda que já li. Dá até para chorar.

Beije meu beijo então
Menina...
Menina encanto
Anjo do céu

Ensine esse Louco aqui a escrever assim para mim...sauhsusuhshau

Beijo para você meu amigo.