16 maio 2010

Dilema



Dilema

Gostaria de saber
A quem ama
_________________Quem não ama...

A quem ama quem não ama?

É vida e morte
Ao mesmo tempo?

É tempo sem medida
Sem razão, tormento?

Deve ser verbo não conjugado
É um buraco
No meio do vento
Eu acho
Acho que é um hiato
Extrato
Onipresente
Cheio de nada
É sentimento
A U S E N T E
Dor que se sofre
Diuturnamente
Que faz doença
Porque quem não A M A
Apenas atravessa a vida
Como um comensal
Displicente, inconsequente.

E nessas, o coração cai no chão
... e pisam nele, mesmo!!!

Até que sangre
E evapore desta vida tola que levam.

Gostaria de saber quem é assim!
D E F I N I T I V A M E N T E!

Depois, há dias e dias
E noites
Em que olho no espelho
Aquele embaçado, SUADO
Do vapor do banho
E tenho dó de mim
Por causa das olheiras mal dormidas
Por causa da dor, da realidade
Dos pensamentos
Porque a vida é assim, ASSIM
Ou sei lá...

E DESSE JEITO me vejo
Preso a esses versos
Que me amarram
CARREGAM-ME
Sem beira, sem eira
TRANSPORTAM-ME
Para um mundo de verdade
Real
Salvando-me
Porque queriam matar em mim
A criança
Fazer do meu sorriso franco
Algo confiscado
Desarmando a esperança
O brilho enraizado
Até fazer doer de dor doída
O coração sufocado.

Queriam me cortar os pulsos
E então me dei conta disso
A tempo, há tempo!
E sei, percebi, me conheço
Sei que no meio da vertigem
Que faz girar o mundo
Tenho ao lado o amor
O tenho por dentro
Enraizado, acumulado
Aquele amor que poucos conhecem
Que ama sem razão, sem noção
_____________________LOUCO AMOR
E por isso que não sei
E fica a dúvida cruel...
A quem ama quem não ama?

Tantas e tantas dores e cores
Tudo num mesmo plano
Tantas perguntas
Que o tempo não responde
Que a vida esconde
Enfim...
Quem somos nós?

Renato Baptista

11 comentários:

Márcia Vilarinho disse...

(...)

E por isso que não sei
E fica a dúvida cruel...
A quem ama quem não ama?

Tantas e tantas dores e cores
Tudo num mesmo plano
Tantas perguntas
Que o tempo não responde
Que a vida esconde
Enfim...
Quem somos nós?


O dilema é a própria vida como parte de um traço da reta que representa este pequeno percurso terreno, haja vista que não se sabe como se inicia e nem como se finda, no traço, apenas no traço. E você, Renato, colocou a profundidade maior de todo esse dilema. " A quem ama quem não ama? " - Para reflexão de cada dia. Lindo!, Renato. Abraços

Suziley disse...

Um lindo domingo prá ti, Renato!! :)

Juliana Carla disse...

********************************************

APOIO

*** TROFÉU THE BEST GB! ***

Boa tarde amigo

O BRAILLE DA ALMA está concorrendo o Troféu The Best GB 2010 na Gazeta dos Blogueiros. Conto com o seu apoio. Para votar visite o site:

http://www.gazetadosblogueiros.com/

A votação vai até o dia 19/04/201. Vamos somar forças numa só emoção! Ficarei feliz com sua colaboração.

Desde já fico grata.

Juliana Carla
brailledalma.blogspot.com/


********************************************

Beatriz Prestes disse...

Um poema diferente e marcante...na construção, no sentir que os versos amarrados com perfeição expressam.
Maravilhoso quando acontecem momentos como este, que desafiam a percepção!
Lindíssimo, magistral em todos os aspectos!
Beijo
Bea

Mila disse...

Olá Renato!
O amor é o mais lindo e nobre dos sentimentos, nós é que não sabemos lidar com ele...quem ama não precisa tocar, nem ao menos olhar, ama-se por amar...por ser nobre, deseja o melhor ao outro, então sofre longe, esperando seu amor ser feliz ao menos nos braços de outrem.(quando não correspondido claro).
Linda poesia Renato, enacantada...
Bjs meus
Mila

Sonhadora disse...

Renato
Lindissimo poema, perguntas sem resposta.

Beijinhos
Sonhadora

Veronica de Nazareth-Noic@ disse...

Amigo-Irmão-Camarada Querido...
se soubesses quantas vezes também perguntei interiormente:" a quem ama, quem não ama?" Uma resposta nunca veio, mas as interrogações, todas...Estará a força do amor oculta, desgastada...inexistente...temerosa...??? Sabe-se lá, mas teu poetar está Belíssimo, numa colocação perfeita. Bjs e à noite, espero estar na nossa Casa.

Beta disse...

Olá!!!
To chegando para informar que o Mix agora é .com!!!
Todo o conteúdo do Mix para você, com mais comodidade e profissionalismo!!!

Mude seu link ok?
www.mixculturainformacaoearte.com

EMOÇÕES disse...

Boa noite!
Belo texto, parabéns!
Bjs

Alberto Afonso disse...

Amigo Renato, vim mais uma vez para deixar meu abraço e saber da poesia e seus encantos...

David Dukki disse...

Parabéns pelo blog..

Acessem...

www.vidaescritta.blogspot.com