26 janeiro 2011

Prêmio ZAP 2010

Com muita honra recebo este prêmio da Revista Zap - Elizabeth Misciaci e agradeço profundamente a todos que me proporcionaram esta menção.

Prêmio zaP!

Prêmio zaP! 2010

Por:
Elizabeth Misciasci
imprensa@revistazap.org


O
Prêmio zaP! é oferecido pelo Projeto zaP! e veículos zaP! de comunicação, após termino de votações, recebimentos de indicações, análises de pautas, sugestões encaminhadas, enfim, tendo como princípio primordial, reconhecer todos àqueles que durante o ano, demonstram a necessidade de somar, provocar mudanças que possam somar, beneficiando coletivamente o ser humano e o planeta.

A todos os que se empenham em atuar, divulgar propagar, promover, amparar, com demonstração de real e ativa preocupação com a sociedade, sem inércia, valorando o próximo, com o comprometimento de estar de qualquer forma doando solidariedade, distribuindo amor, dando a certeza de estar ininterruptamente objetivando um Mundo Melhor, ensinando, agindo, semeando o bem maior, e, principalmente zelando pela
Paz!


O
Prêmio zaP!, é uma humilde Homenagem, porém, REFERENDADO PELA UNESCO, com ampla abrangência, que com o passar do tempo, é cada vez mais pleiteado e respeitado.

Um prêmio simples é verdade! Mas, que se estende, no entanto, aos grandes: atores, autores, educadores, poetas, escritores, humanistas, jornalistas, celebridades, profissionais de diversas áreas, que de alguma forma,
prestaram e prestam contribuições de grande valia á Sociedade, a Cultura, a Arte, sempre em prol da Paz! pela Paz!


Entre os
1.280 (mil duzentos e oitenta) nomes que receberam indicações de diversos países em 2010, todos, como habitualmente o são, foram minuciosamente triados, tendo primeiro como critério, seguir a ordem, respeitando a escala somatória de votos e indicações resultantes, para dentro do possível efetuar uma avaliação.

Diante disso, baseando-se cuidadosamente nos resultados apurados, foram selecionados
a princípio, 286, (duzentos e oitenta e seis) indicados, que novamente, passaram por novas analises e outras considerações.

O grande desafio, sem dúvidas, foi declinar os cem finalistas, entre esses 286, (duzentos e oitenta e seis) semifinalistas.

- Como escolher, quais deveriam ser os critérios e quem iria compor o corpo de jurados? Resolvemos então estruturamos um plano de ação para formar um conselho de representantes, formado por pessoas de diversas áreas e seguimentos relacionados, a fim de que, estes tentassem conhecer um pouco dos selecionados maias votados. Para isso, enviamos os materiais que tínhamos e solicitados que fizessem buscas por informações e trabalhos na própria net, usando cada qual, seu próprio critério, mas, priorizando (e acima de tudo, levando em conta) as indicações, bem como a representativa quantidade de votos recebidos.

Portanto, o trabalho de cada um dos finalistas, encaminhado, demonstrado, encontrado nas buscas, reconhecidamente destacado, permitiu de forma individual, a formação de opinião, com convicção e manifestação pelos senhores jurados.


Foi através da manifestação e do parecer de cada representante ora jurado, membro integrante do Conselho, que nos beneficiamos, tendo a experiência destes a nos nortear, bem como o importante apoio de um grupo de ativistas pelos direitos humanos, que também ajudaram a fazer a seleção final, possibilitando assim, a escolha de apenas cem nomes finalistas.

Os Cem Mais 2010.

Aos Premiados e Homenageados

Os motivamos para juntos indicarmos as melhores formas na busca de ideais e realizações, para dentre tantos, oportunizarem a distribuição de renda, o acesso de todos à educação, saúde cultura, moradia, igualdade social, com garantias iguais a todos os nossos irmãos. Que unidos, possamos determinar exigir buscar e conquistar.


Caminhar em direção de um mundo melhor, aniquilando toda e qualquer forma de discriminação e preconceito. Complementado, com verdadeira valorização do individuo, o resgate dos valores, a reconstrução da instituição familiar, e o respeito á dignidade da pessoa humana, com a rubrica da alma endossando cada uma das páginas da vida, num serio e real comprometimento coletivo, que no mínimo garanta de fato e de direito,
a vida... E a Paz!



Renato Baptista

www.casadapoesia.ning.com
http://escrevendocomarte.blogspot.com
http://poeminiseimagens.blogspot.com
http://botafogooo.blogspot.com

3 comentários:

Beatriz Prestes disse...

Renato

Um prêmio como este é um merecido reconhecimento, um retorno de tudo quanto foi brilhantemente semeado ao longo dos anos por você!
Um prêmio que não somente reverencia teu talento como escritor irretocável...poeta absolutamente sensível e dono da mais apaixonante inspiração. Mas tbém por teu trabalho no meio, abrindo caminhos para que tantos tbém possam ter a oportunidade de trilhar e absorver aprendizado e desenvolvimento. Oportunidade simples de se dizer o que vai no coração, oportunidade de voar!
Aplausos todos!
Você merece este prêmio! Teus valores, tua capacidade, competência voltada ao inteligente e ao belo, te fazem um grande homem, um grande poeta!
Beijo com carinho

Bea

CASA ESPIRITA JOÃO EVANGELISTA disse...

Na idade média nosso senhor permitiu que varios espiritos do bem reencarnassem como da vinte miquelangelo, leonardo etc...
para exaltar o bem através das artes, felizmente pela graça divina isto continua aconteçendo, para bens pelo lindo espaço e pelo merecido prêmio.

sem desanimar.

WWW.CASAESPIRITADRP.BLOGSPOT.COM

Jacqueline disse...

Parabéns, Renato!
Pelo prêmio e pela tua escrita inteligente. Abraços!