24 julho 2011

Amy

No fundo, apenas uma menina
Que se desencontrou
Que se entregou
Que aprendeu algo
E vai à busca da sua perfeição.

Fica uma lágrima que escorre da arte
Uma nota musical que cai da pauta
Coisas da vida...

Renato Baptista

5 comentários:

*Simone Poesias* disse...

Oi amigo,

Lindo poema e homenagem. Parabéns!
Bjinhoss ;)

a menina que ainda dança disse...

Assim como Amy, Jimi Hendrix, Janis Joplin, kurt Cobain procuraram a felicidade no lugar errado...pena.

Parabéns pela homenagem, eu gostava da voz de Amy, porém suas atitudes a destruíram.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Lamentável! Tão jovem! Que DEUS lhe receba de braços abertos, lhe abençoe, lhe proteja e lhe ilumine por toda a sua trajetória. Bela homenagem amigo Renato. Parabéns!

Abraços e uma ótima semana pra ti e para os teus.

Furtado.

Beatriz Prestes disse...

Uma bela homenagem esta Renato!
E ela um excelente exemplo de como dia após dia, construir diferente caminhos não de parcas ilusões, mas de se usar os dons, talentos, para uma real felicidade!
Um exemplo de fazermos diferente e darmos valor à tantas coisas boas que temos e nem nos damos conta...
Um belo momento em arte e versos!
Parabéns
Beijo
Bea

TÂNIA SUZART ARTS disse...

Coisas que a vida ensina
Para que não se repita.
Abraços.