20 fevereiro 2012

Sons e Lençóis

Um comentário:

Arnoldo Pimentel disse...

Ficou muito bonito o poema, parabéns amigo poeta.